Simples Assim


Cozinhar é também contemplar

Cozinhar para mim é um dos grandes prazeres da vida. Principalmente quando fico sozinha na minha cozinha, clara, espaçosa. É um momento de muita intimidade comigo mesmo, quando consigo coordenar meus pensamentos, alinhar as ideias e conversar com meu Deus. Saio dali revigorada, feliz e pronta para uma nova jornada. Infelizmente esses momentos não são assim tão comuns, mas talvez até por isso, sejam tão preciosos.
Outro dia me chegou essa bonita oração, em forma de poema, escrita por Álvaro Mendonça Pimentel, sj, com trechos que traduzem exatamente o que sinto . Lamentei não ter tido essa inspiração para por no papel esse sentimento. Mas, como acredito que muitas de vocês também devem sentir esse imenso prazer e constatar que ” Cozinhar é contar humildemente com a docilidade das coisas, para servir a alguém que vem ou passa , o alimento do corpo…E o aconchego da alma! “, divido com vocês essas palavras que, acredito, sejam comuns a todos aqueles que fazem da cozinha o seu templo.

Cozinhar é também contemplar

Senhor, eu te louvo pelo alimento que tu nos dás.
E pela água, e pelo fogo, e pelo ar.
Eu te louvo, Senhor, porque tua criação é entrega e amor.
Por minhas mãos, eu nada poderia criar,
Mas tu criaste, Senhor, um mundo que aceita amoroso minhas ações.
Sinto reverência e gratidão diante dos alimentos que preparo,
Pois apenas coloco em contato a manteiga, os ovos e o açúcar,
A farinha, o leite e o fermento.
Eu os misturo e eles se unem obedientes
e me concedem a massa para o bolo.
Obrigado, Senhor, pelas bananas que arranjo na forma untada
e polvilhada de farinha de rosca.
Elas recebem o açúcar e a canela, e são envolvidas pela massa cheirosa.
A resistência das coisas é apenas o que deixa ver sua generosa aceitação.
E a massa em contato com o calor cresce e doura e perfuma a casa inteira.
Cozinhar é colocar em contato os elementos,
Contar com suas forças de mistura e atração,
E deixar que o calor transforme a massa
E a massa gere o bolo para a festa.
Quanto respeito diante do trigo do qual tiramos a farinha,
E do açúcar que vem da cana ou da beterraba.
Cozinhar é contar humildemente com a docilidade das coisas,
Para servir a alguém que vem ou passa o alimento do corpo…
E o aconchego da alma!
Sempre esperei elogios por cozinhar,
Mas agora percebo que o melhor não está nos elogios (bem-vindos…),
Está em sentir o quanto dependo da docilidade da tua criação, Senhor.
Cozinhar com reverência é rezar, conhecer a realidade do mundo,
E abrir-se à sabedoria.
Amém.

Álvaro Mendonça Pimentel, sj

Lylia Diogenes

Jornalista, blogueira, mãe, esposa, filha, sogra, amiga, irmã. Leitora voraz, curiosa, destemida, alegre, sensível, apaixonada pela vida, por animais, por viagens, por comidas gostosas, por boas bebidas, frio, silêncio, natureza, paz. Assim sou eu, do jeitinho que me vejo. Múltipla na unidade e acreditando, sempre, que o melhor está por vir.

Queremos ouvir você!

Novidades!

Facebook

Publicidade

Instagram

Google Plus

Adicione esse tempero

“Cozinhar com sabor são delícias compartilhadas com amor !”

Aimara Shindler

Categorias