Simples Assim


Estrogonofe de carne na panela de pressão

 Quem conhece estrogonofe ? E quem gosta? Esse prato de origem russa faz sucesso nas mesas brasileiras.
Dizem que ele surgiu no século XVI quando os soldados russos comiam rações de carne cortadas e colocadas em barirs com sal grosso para preservar o alimento. Mas foi através de um cozinheiro do Czar Pedro, o Grande, que o prato foi aperfeiçoado. O general que protegia o cozinheiro Strogonov, daí a origem do nome.
Lendas à parte, o importante é o sabor que ele tem. Aqui em casa é presença obrigatória em quase todas as reuniões. O motivo? É que ele é feito pelo meu marido, um cozinheiro muito especial e, capricha na sua execução o que o torna irresistível.
Mas, nem sempre é dia desse estrogonofe especial, pois do jeito que ele faz, é bem trabalhoso. Então outro dia me deparei com esse Estrogonofe de panela de pressão.
Nunca tinha experimentado e fiquei curiosa. Como tinha um bom peso de patinho, resolvi experimentar.
Super aprovado e, o melhor de tudo é que é simples assim de preparar. Claro que não é páreo para o do meu marido, mas dá para saborear com prazer e variar com sucesso o almoço de todos os dias.
Que tal experimentar ? Com arroz branco e batata palha fica perfeito.

Estrogonofe de carne na panela de pressão – receita daqui

Ingredientes:

  • 1 kg de patinho cortado em tirinhas
  • sal e pimenta-do-reino branca a gosto
  • vinagre branco a gosto
  • 2 colheres de sopa de óleo
  • 2 sachês de caldo de carne sem gordura
  • água o suficiente
  • 1 lata de molho de tomate pronto
  • 2 colheres de sopa de ketchup
  • 1 colher de sopa de mostarda
  • 1 lata de milho em conserva escorrido
  • 200g de champignon cortado em lâminas
  • 2 a 3 colheres de sopa de farinha de trigo
  • 400ml de leite
  • 200ml de creme de leite
  • 1 concha de conhaque ( por minha conta)
Como fazer:
  • Em um recipiente, tempere a carne com o sal, a pimenta-do-reino e o vinagre
  • Á parte, em uma panela de pressão, aqueça o óleo e refogue a carne
  • Depois, acrescente a água e o caldo de carne e cozinhe em fogo baixo por cerca de 20 minutos após o início da fervura, ou até amaciar
  • Retire do fogo e aguarde sair a pressão. Então, adicione o molho de tomate, o ketchup, a mostarda, o milho e o champignon, misturando bem
  • Acrescente o conhaque
  • Refogue a mistura rapidamente, adicione a farinha de trigo dissolvida no leite e mexa bem, deixando engrossar
  • Desligue o fogo, junte o creme de leite e misture devagar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Lylia Diogenes

Jornalista, blogueira, mãe, esposa, filha, sogra, amiga, irmã. Leitora voraz, curiosa, destemida, alegre, sensível, apaixonada pela vida, por animais, por viagens, por comidas gostosas, por boas bebidas, frio, silêncio, natureza, paz. Assim sou eu, do jeitinho que me vejo. Múltipla na unidade e acreditando, sempre, que o melhor está por vir.

Novidades!

Adicione esse tempero

” Cozinhar é o tipo de coisa que exige um pouco de paixão e ilusão.”

Nina Horta

Facebook

Publicidade

Pinterest

Google Plus

Categorias