Simples Assim


Um brinde à vida, à amizade
Você conhece Galinhada chique assim ? Pois eu tenho o prazer de lhe apresentar.
Tudo começou quando minha amiga, Patrícia, do nosso grupo Amigas em Harmonia , comentou da delícia de galinhada que tinha comido em casa. Ficamos todas com água na boca e enquanto ela não providenciou uma galinhada só para nós, não a deixamos em paz. E que galinhada….Chique assim….
Uma mesa só para nós
 Um encontro onde a alegria, a informalidade e amizade foram a tônica, tendo como cenário um local belíssimo que nos lembrou um casarão dos tempos coloniais, cercado por uma linda área verde. Tinha até um pé de jabuticaba carregadinho, que nos fez voltar aos nossos tempos de infância e sair colhendo a deliciosa frutinha.
Um lindo jardim
 Como o almoço foi em uma quarta-feira, e algumas de nós trabalhamos nesse horário, demos um “jeitinho” de estar presente o que nos deu aquela  sensação de criança quando faz algo errado…
carinho em todos os detalhes
Sobremesas clássicas e deliciosas
galinhada jpg

Galinhada da Isaura

Para 10 pessoas
Ingredientes
  • 2 bandejas de coxas e sobrecoxas ou 1 bandeja de coxas e 1 bandeja de sobrecoxas
  • 1 bandeja de peito todos com pele
  • Cebolas –  2 bem grandes ou 4 médias, cortadas bem miudinho. Não economize na cebola.
  • Alho – 1 cabeça grande. Descascar e picar os dentes.
  • Pimenta malagueta a gosto
  • Pimentão vermelho e verde a gosto, cortados bem miudinhos (sem pele, sem sementes) – 1 xícara de chá de cada
  • Tomates – 5 bem madurinhos, sem pele, sem sementes e cortados em cubinhos
  • Bastante cheiro verde picado – 1 xícara de chá
Como fazer:
  • Socar o alho picado, o sal – duas colheres de sopa – e a pimenta malagueta. Tudo bem socado, até virar uma pasta. Não deixar fiapos do alho, senão queima. Se o seu pilão for pequeno, divida em duas etapas.
  • Tirar a pele das carnes e reservá-la
  • Temperar os pedaços de frango com esta pasta.
  • Colocar ½ xícara de  óleo na panela e quando estiver bem quente, colocar o frango e as peles. Refogar a carne, tomando o cuidado para não queimar.
  • Mexa sempre. As peles vão acabar agarrando na panela. Quando os pedaços de carne estiverem fritos, tire-os e coloque um pouco de água no fundo da panela. Deixe ferver para desagarrar as peles e os resíduos da fritura.
  •  Retire as peles e volte com o frango para a panela. Coloque então a cebola, mexendo sempre para não deixar que ela se queime. Deixe-a dourar.
  • Acrescente mais ou menos 1 litro de água fervente e tampe. Quando a panela estiver quase sem água e a carne cozida, desligar o fogo e deixar esfriar.
  • Desosse, tirando lascas não muito finas.
  • Para a mesma panela que cozinhou, volte com o frango desfiado e acrescente o pimentão cortado beeem miudinho e o tomate cortado em cubos.
  • Mexa bem e coloque 5 xícaras de chá de arroz.
  • Refogue bem para que o arroz pegue a cor do frango.
  • Acrescente 10 xícaras de chá de água fervente, 1 colher de sopa rasa de açafrão (se for industrializado, coloque mais) e 1 xícara de chá de cheiro verde (salsinha e cebolinha) picados miudinho.
  • Há quem goste de pimenta do reino.
  • Tempere a gosto. Acerte o sal, misture tudo e depois não mexa mais.
  • Tampe a panela e deixe a água secar.
  • O arroz deve ficar úmido, mas solto.
  • Se ficar mexendo o arroz durante seu cozimento, ficará empapado.
  • Está pronta a galinhada.
  • Ao servir, coloque por cima mais cheiro verde.

 

Vinagrete

  • 1 cebola picada bem miudinho
  • 6 tomates sem pele e sem semente cortados em cubinhos
  • 1 pimentão verde ou vermelho, sem pele e sem semente, cortado beeeem miudinho.
  • ½ xícara de chá de vinagre branco de boa qualidade
  • pitada de açúcar
  • sal
  • azeite
Como fazer:
  • Gosto de dar uma aferventada na cebola.
  • Depois de fria e ainda com a água que a cozinhou, acrescente os outros ingredientes. Vá colocando aos poucos até achar o ponto ideal.
  • Não carrego muito no vinagre, pois interfere no sabor da galinhada.
Ainda tivemos tempo de colhermos jabuticabas fresquinhas

  1. Nossa que bela mesa, e essa galinhada está show, fora as delicinhas de sobremesas, essa tigela de jabuticaba, queria toda pra mim Lylia, adoro jabuticaba, uma delicia de encontro, que certamente valeu muito a pena miga. Adorei as fotos. Bjocas uma linda semana

  2. que delícia de encontro, e que delícia de galinhada! mas fala sério, essa sensação de menina aprontando, ou matando aula (kkkk) é a melhor né? parece q td fica ainda mais gostoso! hehehehe
    me deu vontade de comer uma boa galinhadaaa! adorei a receita!
    bjao, querida 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Lylia Diogenes

Jornalista, blogueira, mãe, esposa, filha, sogra, amiga, irmã. Leitora voraz, curiosa, destemida, alegre, sensível, apaixonada pela vida, por animais, por viagens, por comidas gostosas, por boas bebidas, frio, silêncio, natureza, paz. Assim sou eu, do jeitinho que me vejo. Múltipla na unidade e acreditando, sempre, que o melhor está por vir.

Queremos ouvir você!

Novidades!

Facebook

Publicidade

Instagram

Google Plus

Adicione esse tempero

“Cozinhar com sabor são delícias compartilhadas com amor !”

Aimara Shindler

Categorias