Simples Assim

Um drinque e três aperitivos para o fim de semana

Apesar de Drummond já ter, sabiamente,  escrito que ser feliz sem motivo é a forma mais autêntica da felicidade, quando chega sexta-feira fico muito mais feliz. E quem não fica? A perspectiva do sábado e domingo sempre é um motivo a mais para deixar a alma mais leve, o coração em festa.Aqui em casa temos o hábito de comemorar a bem vinda sexta-feira. Geralmente um happy hour com umas comidinhas gostosas e um drinque simples assim ou especial para fazer o brinde. É um jeito de ser feliz.
E, como hoje é sexta, lembrei de uns aperitivos simples assim que fiz outro dia e que surpreenderam pela facilidade no preparo e pelo agradável sabor. Naquele dia , eles foram uma excelente “companhia” para o drinque preferido do meu marido, um Negroni, que ele prepara no capricho. Não sei se vocês conhecem essa bebida .Segundo ele, ela nasceu em um bar na cidade de Florença, na Itália, onde um dos fiéis frequentadores , o conde italiano Camillo Negroni, sempre pedia o mesmo drinque, uma mistura de bitter e vermute. Certa tarde ele pediu ao barman uma bebida ainda mais forte. Como o barman já conhecia seu paladar,  apenas acrescentou gim, gelo e uma rodela de limão ao bitter ( campari) e ao vermute. O conde aprovou e passou a beber apenas a nova mistura. Daí a origem do drinque que chegou até nós com esse nome.
Se é verdade ou não , não sei, mas que é gostosa é. Só que na receita aqui de casa, meu marido troca o gim pelo whisky, e o limão pela laranja, segundo ele, fica bem melhor. No meu caso, prefiro o whisky “on the rocks” mesmo.
Mas, independente do seu gosto, tenho certeza que esses aperitivos vão combinar com ele.
Este é fácil demais. Coloquei um queijo Brie em um prato e levei ao micro-ondas por um minutinho, para dar uma amolecida. Pode ser até um pouco mais.Nesse dia, errei na programação e ele derreteu demais. Quando retirei cobri com geleia de pimenta e servi com torradinhas. Simples Assim e delicioso. Já fiz também com mel e lâminas de amêndoas tostadas, que também ficam deliciosas.
 E essas torradinhas? Deu para sentir o sabor? Fácil demais também. Como tinha bastante torradinha caseira pronta, resolvi aproveitá-las. Coloquei um fio de azeite , um pedacinho de muçarela de búfula, outro de rúcula e metade de um tomatinho cereja. Por cima coloquei uma pitadinha de sal e pimenta branca moída e mais um pouco de azeite. Que tal?

Esse então é mais que simples assim. Alguns frios com azeite temperado com pimenta rosa, azeite com aceto balsamico da Castelo e azeite com pimenta branca, temperados com um sal especial, do Himalaia, presente de uma amiga.

E para acompanhar, uns pãezinhos especiais.

Com essas dicas tenho certeza que o seu fim de semana vai ficar ainda mais gostoso. E , não procure motivos para ser feliz, lembre que ” ser feliz sem motivo é a forma mais autêntica da felicidade

Um fim de semana muito feliz para todos nós.

  1. Oi, Lylia!
    Foi-se um tempo em que eu gostava de uísque e Campari. Já o Gim tônica eu adoro, com bastante tônica e gelo. O Gim vem somente para dar o "Cheiro". A bebida que o seu marido gosta me lembrou o Dry Manhattan, com a única diferença de ser feita com o vermute branco e seco – o campari é doce e casa com o uísque porque também tem malte em sua fórmula – aliás, dizem que na sua fórmula vão mais de 60 ingredientes e como a Coca-Cola, só uma pessoa no mundo sabe 🙂
    Adorei os petiscos! Nos finais de semana, quando testo as receitas das amigas blogueiras, o almoço sempre sai mais tarde, daí ter sempre uma guloseima para beliscar! Beber sem comer não dá!!
    Boa semana!!
    Beijus,

  2. Queridas Maria José, Cela, Teresa, Sílvia, Vania, Sandra, Rosinha, Yves, Marly, Lèia, Lia, Rita, Carla, Aline, Cristina, Nice e Luma,
    Que bom recebe-las no meu "happy hour" simples assim.
    Obrigada pelos comentários carinhosos.
    Bj e uma linda semana para todos nós,
    Lylia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Lylia Diogenes

Jornalista, blogueira, mãe, esposa, filha, sogra, amiga, irmã. Leitora voraz, curiosa, destemida, alegre, sensível, apaixonada pela vida, por animais, por viagens, por comidas gostosas, por boas bebidas, frio, silêncio, natureza, paz. Assim sou eu, do jeitinho que me vejo. Múltipla na unidade e acreditando, sempre, que o melhor está por vir.

Novidades!

Facebook

Instagram

Google Plus

Adicione esse tempero

"Cozinha é um grande laboratório de experiências e um lugar onde todos se divertem, basta perder o medo de arriscar, ousar, brincar. Palavra de Bruxa!"

Sandra Reis

Categorias