Simples Assim


Os detalhes para uma Feijoada Perfeita

“Mas feijoada segunda-feira?”, perguntou uma amiga ao saber que minha postagem de segunda seria sobre este assunto.
Lembrei a ela, então, que essa semana é diferente. É uma semana festiva.Muitas comemorações. Abertura da Copa do Mundo, Dia dos Namorados…Claro que Dia dos Namorados não combina muito com feijoada, mas Copa do Mundo…tem tudo a ver, não? Feijoada, caipirinha, torresminho...Bom demais.
E, foi pensando nisso que resolvi trazer umas dicas simples assim para que sua feijoada fique ainda mais gostosa e saudável. Apesar de ser um prato, aparentemente simples e sem mistérios, alguns detalhes fazem toda a diferença para que o resultado final seja perfeito.

Não vou trazer a receita, pois acho que cada um tem a sua, e sim pequenas dicas para que ela fique ainda melhor.
A última vez que fiz foi no Dia das Mães, pois não queria ficar na cozinha, e a feijoada tem mais essa vantagem: você pode preparar no dia anterior e no dia seguinte só esquentar e dar uns últimos retoques. Assim , você fica liberada para curtir aquele momento ao lado daqueles que você ama.E, o melhor, ela fica ainda mais gostosa.
Vamos as dicas, então. Feijoada para ser completa tem que ter aquela farofinha de alho, pirão, couve, laranja e molho de pimenta caseiro. É ou não é? Aqui em casa, pelo menos,  esses complementos são imprescindíveis.
1 –  Para uma couve mais crocante.
Existem muitas receitas de couve. Uma até frita, que deve ficar deliciosa, mas já são tantas gorduras, que prefiro fazer refogadinha mesmo e, de preferência, no azeite de oliva. 
Sempre que fazia couve ela ficava murcha, não gostava. Até que minha amiga Leili me deu essa dica e agora minha couve fica bem crocante.
É simples assim. Veja como se faz:
  • Compre aquele pacotinho de couve que já vem cortadinha, pois já diminui seu trabalho.Mas se não achar, corte o mais fino que puder.Lave bem.
  • Em uma panela coloque pedacinhos de bacon e deixe dourar.
  • Quando estiverem dourados , retire da panela.
  • Aproveite a gordura e acrescente um pouco de azeite de oliva ( umas 2 colheres de sopa) e esprema uns 5 dentes de alho, ou mais, vai depender de sua  preferência. 
  • Quando estiver bem dourado, apague a panela.
  • Na hora de servir a feijoada, esquente esse refogado, apague a panela e jogue a couve. 
  • Dê uma mexida para incorporar o tempero. Acrescente os pedacinhos de bacon, sal e sirva logo em seguida, pois assim ela vai chegar à mesa ainda quentinha e crocante;

2 – Molho de pimenta sem cebola ardida.

Eu gosto muito de cebola, mas não gosto daquela sua acidez característica , nem de comê-la crua. O molho de pimenta, para acompanhar a feijoada pede cebola crua.Mas, como não gosto usei um truque que aprendi com o Edu Guedes.
  • Corte a cebola em pedacinhos pequenos, lave e jogue água fervente. Deixe descansar um pouco.
  • Depois lave na água corrente e, pronto, a acidez foi toda embora.
  • Se você não tem uma receita de molho de pimenta.
  • Faça esse, também do Edu Guedes, que fica uma delícia:

Molho de pimenta:

  • 1 xícara (chá) de cebola picada
  • 1 xícara (chá) de tomate picado
  • Pimenta dedo de moça (verde e vermelha)
  • ½ xícara (chá) de salsa e/ou cebolinha picada
  • 1 xícara (chá) de caldo do feijão frio
  • 3 colheres (sopa) de azeite
  • Sal a gosto

Como fazer:

  • Em um recipiente, misture o tomate, a pimenta, a cebola (já sem a acidez) , a salsinha/cebolinha, o caldo de feijão, o azeite e o sal.

3 – Laranja para tirar a gordura:
Feijoada sem laranja não é feijoada. Pelo menos para mim. Parece que me sinto menos culpada ao comer aquela gordura toda. Sem falar que ela ajuda na digestão.

Mas a laranja tem também uma outra função. A de tirar a gordura da feijoada. Você já tinha ouvido falar disso? Apesar de algumas pessoas dizerem que é balela, que tanto faz, eu já fiz o teste algumas vezes e posso dizer que funciona mesmo.
Veja só como fazer:
Coloque uma laranja inteira e não descascada (lavada) na feijoada junto com as carnes.
Realmente funciona, até parece milagre, a gordura fica toda dentro da laranja, basta cortá-la para ter a confirmação.
A laranja não modifica em nada o gosto da feijoada que fica super light.

 E, para comer, corte-as de um jeito bem atraente – como fez meu marido e você pode comprovar na foto abaixo – . e sirva acompanhando a feijoada.

Com esses pequenos truques tenho certeza que sua feijoada vai ficar ainda mais gostosa.
Agora é respirar fundo e torcer pela nossa seleção rumo ao Hexa.

Que nossa semana seja cheia de boas emoções.

Outras dicas Simples Assim para uma cozinha ainda mais prática:
Quatro dicas preciosas
Dicas sempre úteis
Dicas para uma vida diversificada

  1. Adorei as dicas Lylia, já me deu uma saudade danada da nossa feijoada…hehehe
    Infelizmente aqui na Alemanha não existe couve e eu adorooo, mas fica para a próxima vez que eu for ao Brasil. Amei a dica da cebola, já está anotada, valeu querida, muito obrigada por compartilhar!! Grande beijo!!

  2. Lylia, minha querida, como tem passado?

    Desculpe os meus atrasos por aqui, tenho me atrasado até em minhas próprias postagens, por causa das exigências da vida real, rsrs. As suas dicas são muito boas
    eu também refogo a couve o mínimo possível, pois quanto mais ela é aquecida mais solta água, rsrs. Feijoada tem tudo a ver com esta semana, agora me deu até vontade de fazer uma também, rsrs.

    Um beijo e ótima semana!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Lylia Diogenes

Jornalista, blogueira, mãe, esposa, filha, sogra, amiga, irmã. Leitora voraz, curiosa, destemida, alegre, sensível, apaixonada pela vida, por animais, por viagens, por comidas gostosas, por boas bebidas, frio, silêncio, natureza, paz. Assim sou eu, do jeitinho que me vejo. Múltipla na unidade e acreditando, sempre, que o melhor está por vir.

Queremos ouvir você!

Novidades!

Facebook

Publicidade

Instagram

Google Plus

Adicione esse tempero

“Cozinhar com sabor são delícias compartilhadas com amor !”

Aimara Shindler

Categorias