Simples Assim
Essas minhas amigas harmoniosas tem cada uma…E eu estou incluída nesses “aprontos”. Adoramos uma festa, tudo é motivo para se reunir, celebrar, festejar. A última “desculpa” para um sábado harmonioso, de muitas risadas, conversas, comida e bebida foi o cachorro quente da LASA. Você conhece? Nem eu conhecia por esse nome. Cachorro quente da LASA, para quem não sabe é o cachorro quente que era feito antigamente nas Lojas Americanas.Um clássico inesquecível na memória gustativa de muitas de nós, como a Fer, do Chucrute com Salsicha que, pela sua postagem nos animou a reproduzir esta delícia que ela descreve tão bem: ” Passei anos da minha pré-adolescência sentada naqueles banquinhos em frente ao balcão verde claro em formato de S no subsolo das Lojas Americanas do centro de Campinas. Pra mim nunca existiu nada igual – o pão macio, a salsicha saborosa, o molho super cheiroso, as chips de batata, sempre acompanhados de uma super Coca-Cola gelada.” Um comentário na postagem da Fer, do leitor Weber, que disse ” Consegui replicar, quase na perfeicão, o molho do cachorro-quente da Lasa” , foi lido pela  nossa querida Zezé, a animou a reproduzir essa delícia tão carinhosamente guardado em nossas memórias.

A placa já anunciava a festa

Foi lançar a ideia no grupo e já se formou o alvoroço. Eu já ofereci a “casa azul” sede” lacustre” dos nossos encontros harmoniosos.Marcamos a data, distribuímos as tarefas, quem leva o quê, e a alegria estava formada.

Chegou então o tão esperado dia .Um sábado ensolarado, mas com uma brisa suave, bem diferente desses dias de calor insuportável que temos passado.  Aos poucos a casa foi se transformando em uma lanchonete de hot dogs. Cada uma que chegava trazia a “sua versão” de cachorro quente: vegetariano, americano, com queijo simples assim….Inúmeras opções.Mas, a versão das Lojas Americanas, aquela que nos motivou o encontro ficou a cargo da Zezé que disse estar “desejando” sentir novamente aquele sabor.
De repente minha cozinha se encheu de risos, alegrias, movimento, som de água fervendo, de faca picando os legumes e aroma de salsicha, mostarda e pão fresco…Tem coisa melhor?
Um sábado inesquecível que começou às 11 da manhã e se prolongou até altas horas da noite regado a muita amizade, carinho, cumplicidade e, claro, cachorro quente.
A Zezé conseguiu, realmente, reproduzir o cachorro quente do jeitinho que conhecíamos.: o pão passado na chapa, as salsichas cozidas no ponto e o abundante e saboroso molho.
Obrigada, queridas harmoniosas, por fazerem parte da minha vida e “criarem” momentos tão especiais que sempre estarão na minha memória e no meu coração.
Se você ficou curiosa pela receita, reproduzo aqui, do jeitinho que um leitor da Fer, revelou no comentário de sua postagem e que foi executada pela Zezé à perfeição. Ficou tão bom, tão bom que já me deu vontade de ir agora mesmo para a cozinha e fazer novamente aquela delícia. Mas, infelizmente não vai dar, pois para ficar daquele jeitinho tinha que ter minhas amigas aqui novamente para dar aquele sabor a mais que só elas sabem dar.
Mas, como vocês não conhecem esse “sabor” poder reproduzir sem medo, pois ele vai ficar igualzinho aos da Lojas Americanas.
Que nossa semana tenha o sabor e a simplicidade desse hot dog.
P.S.Quero agradecer a Núbia, amiga Harmoniosa, pela cessão das fotos.
Hot Dog das Lojas Americanas , receita inspirada  aqui
Ingredientes:

    •  2 Tomates maduros
    • 1 tomate meio maduro, mais para verde
    • 1 pimentão verde
    • 1 pimentão amarelo
    • 1 pimentão vermelho
    • 2 cebolas
    • 2 dentes de alho
    • azeite de oliva
    •  sal e pimenta à gosto
Os legumes cortadinhos

Como fazer:

  • Frite no azeite de oliva a cebola com o  com alho
  • Coloque os tomates picados maduros para virar molho.
  • Em seguida o restante dos tomates (cortados meio que em fatias, como os pimentões), os pimentões e as cebolas em pedaços bem grandes (é importante os pedaços grandes para que não derretam muito rápido).
  • Jogue sal e pimenta do reino para temperar.
  • A partir dai tem que prestar atenção no ponto dos legumes. Eles não podem ficar muito cozidos
Montando o cachorro quente

´É importante usar salsicha de qualidade e pão também. Usamos pão francês e pão próprio para cachorro quente

Em uma chapa quente, aqueça o pão ate ele começar a ficar dourado dos dois lados, tire e ainda quente passe a maionese

Se você quiser, coloque catchup e mostarda

Além do tradicional cachorro quente das Lojas Americanas, fizemos em outras versões.Como o com pão francês com queijo brie derretido com maçarico. Mais que bom, ótimo.

Já derretido

  1. Miga adoro suas histórias cheias de alegrias, encontros gostosos, e lembranças inesquecíveis. Seu hot dog ficou de babar, essa última foto judiou da véia aqui que vos escreve viu? Maravilhosos seus lanchinhos. Beijinhos, ótima semana

  2. Parece delicioso mesmo. Esses sabores que marcam a infância da gente tem um gosto bem especial mesmo, eu me lembro de comer na lanchonete das Lojas Americanas, mas não me lembro exatamente do cachorro quente. Talvez porque naquela época eu morava em outro estado… mas agora fiquei com vontade de provar…rs.
    Ficou lindo mesmo!
    Beijos
    Fla

  3. BOA TARDE, COLEGA LYLIA!
    REALMENTE, A HARMONIA É VISÍVEL. HUUUMMM… 🙂
    GOSTARIA DE CONVIDÁ-LA A DAR UMA PASSADINHA EM "GAM DOLLS (2)". RESTAUREI UMA BONECA DE 67 ANOS DE IDADE, UM DOS TRABALHOS MAIS DEMORADOS E DETALHADOS QUE JÁ EXECUTEI. FICARIA FELIZ SE VOCÊ PUDESSE APRECIÁ-LA E COMENTAR A RESPEITO. TE AGUARDO EM MEU BLOG, TÁ?
    MUITO OBRIGADA E UMA LINDA NOVA SEMANA PRA VOCÊ!

  4. Lylia querida, vc me trouxe saudade das LOJAS AMERICANAS. O cachorro quente deles realmente era imbatível. Eu almoçava sempre lá (lj no RJ), e lembro muito da sopinha que era servida antes do prato principal e que era deliciosa.
    Saudade! kkkk
    Quero fazer igualzinho ao teu p/ matar um pouquinho da saudade…
    Bjssssssss

  5. dongtam
    game mu
    http://nhatroso.net/
    http://nhatroso.com/
    nhac san cuc manh
    tư vấn luật qua điện thoại
    dịch vụ thành lập công ty trọn gói
    văn phòng luật
    tổng đài tư vấn pháp luật
    thành lập công ty
    http://we-cooking.com/
    chém gió
    trung tâm ngoại ngữ

    Tiêu Viêm nhìn phần lớn cao cấp dược liệu không khỏi cười mỉm: "Ha ha, dược liệu ở nơi này rất đầy đủ nhỉ?"

    "Ha ha, tiền bối cứ đùa. Dược liệu tại Dược vực so với tiểu điếm thì càng đầy đủ hơn! Dù sao đó cũng là nơi tập trung hơn chính phần mười Luyện dược sư trên khắp đại lục!"

    "Không biết ở nơi này có tài liệu nào cần cho tiền bối sử dụng không?"

    "Giúp ta thu thập tất cả những dược liệu có trong này, giá cả không thành vấn đề!" Tiêu Viêm nói khẽ, tay bắn ra một mảnh danh sách dược liệu đưa cho Thành Khiếu.

    "Tốt!" Thành Khiếu tiếp nhận bản danh sách dược liệu kia rồi đưa cho Dược bộc (Tương tự như nô tài ấy mà, hay gọi là nô bộc), dặn dò vài câu.

    Dược bộc nhanh chóng rời đi, thu thập những dược liệu có trong danh sách. Ước chừng

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Lylia Diogenes

Jornalista, blogueira, mãe, esposa, filha, sogra, amiga, irmã. Leitora voraz, curiosa, destemida, alegre, sensível, apaixonada pela vida, por animais, por viagens, por comidas gostosas, por boas bebidas, frio, silêncio, natureza, paz. Assim sou eu, do jeitinho que me vejo. Múltipla na unidade e acreditando, sempre, que o melhor está por vir.

Novidades!

Facebook

Instagram

Google Plus

Adicione esse tempero

"Cozinha é um grande laboratório de experiências e um lugar onde todos se divertem, basta perder o medo de arriscar, ousar, brincar. Palavra de Bruxa!"

Sandra Reis

Categorias