Simples Assim


Couve-flor gratinada crocante

A receita de hoje é mais uma opção para os veganos: couve-flor gratinada. Uma delícia. Mas, antes vou contar as últimas novidades.

Estes dias foi surpreendida com boas novidades que me deram , até, um novo ânimo e me mostraram o quanto a vida pode ser surpreendente. Fico feliz da vida quando coisas assim me acontecem. Primeiro um Curso de Fotografia que, finalmente, consegui fazer este fim de semana. Projeto sempre adiado mas que chegou no momento certo. Afinal você que vem aqui no Simples Assim merece umas fotos mais bonitas,não? Mas, calma, que ainda estou começando…E, como o professor bem disse: ” fotografar é como dirigir, você aprende todas as técnicas, mas se não por em prática, não vai aprender”. É isso aí, ainda estou na fase de “praticar a direção”.

Para quem mora em Brasília fica  a dica do curso que fiz e recomento àqueles que, como eu, querem aprender essa arte de uma forma leve, descontraída e profissional: curso Magneto Fotografia com o fotógrafo Vini Goulart.

O outro acontecimento que me deixou feliz foi reencontrar uma amiga de escola depois de 40 anos! Foi uma alegria quando hoje o telefone tocou e, do outro lado da linha e do mundo, Alemanha, onde ela mora, estava minha amiga ligando só para falar da alegria por ter me “redescoberto” e contando as novidades da vida.

Cynthia, você me fez muito feliz hoje e me mostrou o quanto o mundo é mágico.

Agora vamos à nossa receita que já está atrasada. Mais uma versão do couve-flor para tornar sua segunda-sem-carne ainda mais gostosa.

Simples assim de preparar e com um sabor delicioso, ela veio do Caldeirão da Bruxa querida e já chegou na minha cozinha fazendo sucesso.

Experimente e me conte o que achou.

Que nossa semana seja surpreendentemente feliz.

Creme de couve flor gratinada com crosta crocante, receita da Sandra

(como acompanhamento para 4 pessoas)

Ingredientes

  • 1 couve flor média lavada e com os buquês cortados separados
  • 1 ovo
  • 200 g de creme de leite (pode ser o de caixinha)
  • 100 g de queijo parmesão ralado (dividindo meio a meio)
  • 1 colher (chá) de noz moscada ralada na hora
  • 1/2 xícara (chá) de farinha de rosca (prefira a caseira ou a da padaria)
  • 1 punhado de salsa fresca bem batidinha
  • 1 colher (sopa) de manteiga amolecida + um pouco para untar

Preparo

  • Cozinhe a couve flor em água salgada até amolecer mas sem deixar desmanchar. Escorra.
  • No liquidificador, coloque metade dessa couve flor com o ovo, o creme de leite, a noz moscada e metade da quantidade do queijo ralado. Bata, mas não muito para o creme ficar com textura não tão lisa.
  • Em um recipiente misture a farinha de rosca com o restante do queijo ralado, a salsinha e a manteiga amolecida, fazendo uma espécie de farofa.
  • Unte uma fôrma tamanho médio com manteiga (ou algumas individuais), coloque a outra metade da couve flor, cubra com o creme e salpique a farofa por toda a superfície.
  • Leve ao forno preaquecido até a crosta ficar dourada e crocante.
  • Sirva em seguida.

  1. Oi Lylia]
    Aí está um vegetal que raramente entra na minha cozinha, não somos muito chegados em couve-flor, mas certamente esta receita com tantos ingredientes bons deve ficar muito boa.
    Sucesso com seu curso de fotografia, também gostaria muito de fazer um.
    Beijos.

  2. Tanta coisa boa querida Lylia!!
    Forografia é fantástico quando se começa a aprender umas técnicas mas ao mesmo tempo, quando os resultados não são os que esperamos, começamos a achar que éramos mais felizes quando vão sabíamos nada, lol!!
    Reencontrar uma amiga verdadeira ao fim de tantos anos, deve ser das melhores sensações da vida e fico mesmo feliz por ter acontecido contigo.
    Quanto à receita, amo couve flor e por isso amei esta sugestão.
    Um beijinho,
    Lia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Lylia Diogenes

Jornalista, blogueira, mãe, esposa, filha, sogra, amiga, irmã. Leitora voraz, curiosa, destemida, alegre, sensível, apaixonada pela vida, por animais, por viagens, por comidas gostosas, por boas bebidas, frio, silêncio, natureza, paz. Assim sou eu, do jeitinho que me vejo. Múltipla na unidade e acreditando, sempre, que o melhor está por vir.

Novidades!

Adicione esse tempero

” O cozinheiro é um artista que vê no ingrediente uma tela em branco.Nos temperos as tintas e então com sua alma criativa mescla textura, formas e sabores, fazendo do prato de comida a mais pura obra de arte.”

Marina de Carvalho Mendes

Facebook

Publicidade

Instagram

Google Plus

Categorias