Simples Assim


Era para ser o bolo do Papai Noel…

Acho que já comentei com vocês o quanto gosto da época de Natal: das músicas, da decoração, do espírito, das luzes, da alegria nos corações e, principalmente da fraternidade. Pena que nem todos tenham esse espírito, mas cabe a nós semeá-los onde passarmos.O importante é termos em nós esse sentimento e fazer o “nosso natal”, do nosso jeito. Eu tenho algumas tradições que não abro mão, como : armar a  árvore, ouvir Christmas Carols e fazer comidinhas típicas dessa época. Como o  tradicional Bolo de frutas. 
 Adoro essa mistura de frutas secas, com especiarias e aquela cobertura branquinha. Tenho várias receitas e a cada ano experimento uma nova. Não espero que chegue o Natal para fazê-lo, bem antes começo a testar algumas.
Sábado passado folheando minhas mil e uma receitas vi essa que não era especialmente um bolo de Natal e sim, classificado como Bolo de Especiarias. Mas especiarias lembra o Natal, não? Resolvi testar então.Para dar um toque mais natalino resolvi fazer em uma forma com a carinha do Papai Noel.O bolo ficou ótimo, aprovadíssimo, mas a carinha do Papai Noel..
Veja só o que aconteceu: quando fui “decorar’ tive que comparecer a um daqueles compromissos de última hora e o pessoal de casa já estava querendo comer o bolo.O que fazer? Resolvi improvisar. Olhei o que tinha na geladeira e despensa e rapidamente fiz uma carinha simples assim com ameixa, canela, cereja e raminho de pinheiro. Claro, que não ficou bonita, mas lembrou o Natal, alegrou minha mesa e me mostrou que muitas vezes, temos que ser menos perfeccionista e mais leve.O que importa é a essência. No caso, era o sabor do bolo que realmente ficou delicioso.
Agradeço a Aninha pela delícia que ela partilhou conosco.
Que nesse fim de semana vivamos a essência do que realmente vale a pena para sermos felizes.
Bolo de Especiarias, receita daqui
Você vai precisar de:
  • 1/2 xícara de manteiga
  • 1/2 xícara de açúcar
  • 2 ovos
  • 1 colher de chá de essência de baunilha
  • 2 xícaras de farinha de trigo
  • 1 colher de sopa de fermento em pó
  • 1 colher de chá de canela em pó
  • 1/2 xícara de leite
  • 1/2 xícara de nozes moídas
  • 1 colher de sopa de sementes de papoula
  • 5 peras descascadas (eu usei 3 maçãs)
  • 3 colheres. de sopa de mel

Como fazer:

  •  Pré aqueça o forno a 200ºC.
  • Unte uma forma redonda e forre com  papel manteiga. Reserve.
  • Corte 3 frutas em cubinhos ( para a massa)  e as outras duas fatiadas ( para decorar). Reserve. ( Eu não usei para decorar, usei somente três na massa)
  • Bata a manteiga com o açúcar na batedeira até formar um creme liso.
  • Junte os ovos e a essência de baunilha e bata até ficar homogêneo.
  • Peneire a farinha com o fermento e a canela, e vá adicionando à mistura, alternando com o leite. Desligue a batedeira e incorpore as nozes e as sementes de papoula. Misture e reserve.
  • Junte as frutas em cubinhos à massa.
  • Despeje na forma e alise com uma espátula fazendo um pequeno buraco no centro.
  • Coloque as metades de nozes no centro do bolo e arrume as fatias de frutas restantes na superfície, nas bordas do bolo.
  • Asse por cerca de 1 hora, ou até que enfiando um palito no centro do bolo, este saia limpo
  • Vale ressaltar essa regrinha lembrada pela Aninha: NUNCA, JAMAIS, EM TEMPO ALGUM abra o forno antes de 20 minutos de cozimento, senão ele abaixa.
  • Retire o bolo do forno e pincele mel.
  • Deixe esfriar por mais ou menos 20 minutos e desenforme-o. Pincele mais mel, se desejar.
Outros Bolos de Natal Simples Assim:

  1. Eu também adoro o Natal Lylia e chega a esta altura, já só penso em árvore de Natal, luzinhas, bolachinhas de gengibre e coisas dessas, lol!!
    Ficou lindo o teu bolo e com esses ingredientes deliciosos, só pode ser uma maravilha!
    Um beijinho e bom fim de semana,
    Lia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Lylia Diogenes

Jornalista, blogueira, mãe, esposa, filha, sogra, amiga, irmã. Leitora voraz, curiosa, destemida, alegre, sensível, apaixonada pela vida, por animais, por viagens, por comidas gostosas, por boas bebidas, frio, silêncio, natureza, paz. Assim sou eu, do jeitinho que me vejo. Múltipla na unidade e acreditando, sempre, que o melhor está por vir.

Novidades!

Adicione esse tempero

” Cozinhar é o tipo de coisa que exige um pouco de paixão e ilusão.”

Nina Horta

Facebook

Publicidade

Pinterest

Google Plus

Categorias