Simples Assim


Ciranda de Receitas – Cuca caseira

Você pode não saber o que é Blechkuchen ou kuchen. Mas, a cuca, aquele bolo alemão que tem a massa coberta com uma farofa crocante aposto que você já comeu, ou pelo menos conhece.

receita de cuca caseira

Se não conhece chegou a sua vez de ter a alegria de saboreá-lo, pois é ele que está na Ciranda de Receitas de hoje trazido pela querida Alessandra, do blog Pilotando um Fogão. Uma receita típica dos imigrantes alemães, que chegaram ao sul do país, região onde a Alê mora, e que  segundo ela “costuma fazer o maior sucesso entre os visitantes/turistas que ali chegam”. Para o Simples Assim ela trouxe duas opções de cobertura para a cuca.
Muito obrigada, Alê, por perfumar minha cozinha hoje com essa delícia que, com certeza, vai encantar todos que chegarem hoje ao Simples Assim.
E, você, quer saber o que levei para o Pilotando um Fogão? É só ir lá e conferir. Aproveite e visite também os demais blogs que estão com deliciosas sugestões na Ciranda de Receitas dessa semana.
Cuca da Alê
Ingredientes:

– 1 e 1/2 tabletes de fermento biológico fresco;
– 1 colher de sopa de açúcar + 3/4 de xícara de açúcar;
– 1/4 de xícara de leite integral morno;
– 500g de farinha peneirada;
– 4 ovos;
– 2 gemas;
– 100g de manteiga sem sal;
– raspas de limão; (opcional)

Modo de Preparo:

Numa tigela, coloque o fermento, o leite morno, 1 colher de sopa de açúcar e 1/2 xícara de farinha de trigo peneirada.
Misture bem até desmanchar bem o fermento. Cubra e deixe descansar por aproximadamente 20 minutos em local seco e fora da corrente de ar. Eu costumo colocar no micro-ondas.
Em outra tigela, abra os ovos, coloque as gemas e bata rapidamente com um garfo ou fouet.
Acrescente a manteiga derretida. ( eu costumo derreter no micro-ondas, 15 segundos normalmente já é o suficiente)
Adicione também as raspas de limão, o restante do açúcar (3/4 de xícara) e o restante da farinha de trigo, mas precisa ser aos poucos para não empelotar.
Por último, coloque a mistura de fermento que ficou crescendo.
Misture tudo e depois dê uma amassadinha na massa até que ela fique lisa.
Divida a massa em duas partes e coloque em duas formas para pão ou bolo inglês. As formas devem estar untadas com um pouco de manteiga, margarina ou óleo.
Deixe crescer novamente por mais uns 40 minutos.
Enquanto cresce, prepare a cobertura. Eu fiz duas diferentes:
Cobertura de coco:

– 100g de coco
– 8 colheres de sopa de leite condensado;
Misture os dois ingredientes até virar uma espécie de farofa. Coloque sobre uma das cucas e depois de espalhar por toda a superfície, pegue um garfo e dê umas espetadinhas para que a cobertura penetre um pouco.

Dica: Se você quiser fazer as duas cucas iguais, é só dobrar a quantidade.

Cobertura de açúcar:
– 1/4 de xícara de açúcar;
– 1/4 de xícara de farinha de trigo;
– 2 colheres de sopa de manteiga em temperatura ambiente;
Misture tudo e faça uma farofa amassando tudo com as mãos.
Espalhe sobre uma das cucas ou dobre a quantidade e faça duas cucas com essa farofa.
* Asse em forno preaquecido a 180ºC por aproximadamente 30 minutos. Você pode espetar um palito pra ver se está assado. Se ele sair seco pode tirar do forno.

Rendimento: 2 unidades.
logomarca-ciranda2-300x278Blogs participantes da 14ª rodada:
Abóbora Menina

Brisando na Cozinha

Pilotando um Fogão

Simples Assim

  1. Lylia!

    Obrigada por me receber novamente aqui na sua cozinha. Essa receita é deliciosa, e por aqui todos apreciam muito.
    Nós que somos netos, bisnetos de alemães, costumamos apreciar a cuca, também como acompanhamento dos nossos famosos churrascos. Pode parecer estranho, mas fica delicioso!
    Beijos
    Alê

  2. Lylia,

    Cuca é bom demais!!!
    Como a Gina observou, essa cuca feita com fermento biológico é de longe a mais gostosa!!
    Assim que eu estiver com mais receitinhas no meu blog, também vou querer participar dessa ciranda!! Adoro essa inteiração com as amigas, é muito bacana!
    Bjs,

    Mari

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Lylia Diogenes

Jornalista, blogueira, mãe, esposa, filha, sogra, amiga, irmã. Leitora voraz, curiosa, destemida, alegre, sensível, apaixonada pela vida, por animais, por viagens, por comidas gostosas, por boas bebidas, frio, silêncio, natureza, paz. Assim sou eu, do jeitinho que me vejo. Múltipla na unidade e acreditando, sempre, que o melhor está por vir.

Novidades!

Adicione esse tempero

” O cozinheiro é um artista que vê no ingrediente uma tela em branco.Nos temperos as tintas e então com sua alma criativa mescla textura, formas e sabores, fazendo do prato de comida a mais pura obra de arte.”

Marina de Carvalho Mendes

Facebook

Publicidade

Instagram

Google Plus

Categorias