Simples Assim


Mesa de Natal tem que ter salpicão, não? Pelo menos aqui no Brasil é costume servir esse prato cheio de sabor, com frango, passas e tantas outras delícias. No nosso Natal Harmonioso não foi diferente. Dessa vez ficou a cargo de uma das experts em doces da nossa turma, a Ana Carol Crocks. Para variar, ela resolveu fazer um prato salgado e nos brindou com esse delicioso salpicão. Vale a pena conferir a receita.

Mudando de assunto, essa semana estou muito feliz com a presença da minha filha Lia e do meu genro João aqui em casa. Depois de dois anos morando em Londres eles vieram alegrar nosso Natal com sua presença. E é essa alegria que quero transmitir a cada um de vocês que me acompanha no Simples assim.

Que essa semana seja de muitas alegrias para todos nós!

Salpicão da Crocks

Ingredientes:

  • 1kg de peito de frango cozido e desfiado
  • 3/4 xícara de uvas passas sem sementes
  • 2 maçãs picadas
  • 2 cenouras raladas
  • 3/4 xícara de azeitonas fatiadas
  • 1/2 pimentão vermelho picadinho
  • 1/2 cebola roxa fatiada
  • 1/2 lata de milho verde
  • 1/2 lata de ervilha em conserva
  • cheiro-verde a gosto
  • 140g de batata palha

Misturar todos os ingredientes

Molho:
  • 200g de maionese
  • 1 caixinha de creme de leite (200g)
  • 1 colher (sopa) de mostarda
  • sal e pimenta do reino a gosto
  • Misturar todos os ingredientes
Modo de fazer:

É só misturar os ingredientes do salpicão com o molho.

Observações da Crocks:
– Cozinhe o peito de frango na pressão por 20min. Coloco água só até cobrir o frango. Cozinhe o frango já temperado com alho, sal, pimenta do reino, páprica picante e 1 folha de louro. Passados os 20min, desligo o fogo e deixo a panela fechada quietinha por uns 20min (até a pressão sair naturalmente). O líquido que sobrar pode ser usado pra outra receita. Pra desfiar o frango gosto de bater na batedeira. Bem rápido e prático.
– Utilizei uvas passas claras, mas pode usar a escura ou até mesmo misturar os dois tipos.
– Gosto de usar a maçã fuji por ser mais crocante. Não tirei a casca, somente as sementes.
– Deixo a cebola já fatiada numa vasilha com água gelada e pedras de gelo pra tirar um pouco da picância, só o tempo de preparar todos os ingredientes.
– Gosto de usar a ervilha fresca congelada, mas não tinha e, por isso, usei a de lata mesmo.
– A batata palha deve ser misturada só na hora de servir. Caso contrário, irá murchar todinha.
– Se gostar do salpicão mais molhadinho, ou se não for consumi-lo na hora, pode dobrar a quantidade de molho. Pois com o tempo, o molho é “absorvido”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Lylia Diogenes

Jornalista, blogueira, mãe, esposa, filha, sogra, amiga, irmã. Leitora voraz, curiosa, destemida, alegre, sensível, apaixonada pela vida, por animais, por viagens, por comidas gostosas, por boas bebidas, frio, silêncio, natureza, paz. Assim sou eu, do jeitinho que me vejo. Múltipla na unidade e acreditando, sempre, que o melhor está por vir.

Novidades!

Facebook

Publicidade

Instagram

Google Plus

Adicione esse tempero

"Cozinha é um grande laboratório de experiências e um lugar onde todos se divertem, basta perder o medo de arriscar, ousar, brincar. Palavra de Bruxa!"

Sandra Reis

Categorias