Simples Assim


 

Olha só o que aprendi lendo aqui. O termo Bruschetta (pronuncia-se brusqueta) é originário das regiões do Lazio e de Abruzzo, na Itália, derivada da palavra “bruscato” que significa tostado ou torrado, quer seja no forno ou na grelha. Há também outros nomes para bruschetta, como “Fetunta”, na região da Toscana, aí derivado das palavras “fetta unta”, isto é, fatia untada, no caso, com azeite de oliva.
A clássica bruschetta é feita com uma fatia de pão italiano rústico, de farinha escura e grossa, de casca dura, tostada na grelha, esfregada com alho, untada com abundante azeite e polvilhada com sal e eventualmente com pimenta-do-reino.
 Há, porém, incontáveis variações para se preparar uma boa bruschetta. Na Toscana, o pão local, feito sem sal é guarnecido com “fagioli al fiasco”, ou seja, feijão branco cozido com ervas e alho ou então, com “cavolo nero”, couve picado bem fininho e aferventado em água e sal.
Apesar das diferentes versões do petisco, pode-se garantir uma boa bruschetta, somente com um bom pão e um azeite de oliva de boa qualidade. A pimenta-do-reino moída na hora, também dá um sabor especial.
 O ideal é fazer com pão italiano , se não encontrar  use outro qualquer de sua preferência e crie sua própria receita.
Aqui em casa todos gostam de bruschetta. E , de vez em quando, em nossos happy hours tentamos fazê-la diferente. Aproveitamos, quase sempre o que temos na geladeira e o resultado sempre fica delicioso. É uma ótima opção para beliscar enquanto se toma uma cervejinha gelada
Baguette e a misturinha que usei
Dá última vez que fiz inovei em tudo. Fiz uma mistura com pedacinhos de tomate, alho picado, folhas de manjericão, bastante azeite de oliva e pedacinhos de queijo gorgonzola. Temperei com pouco sal, pois o queijo já é bastante salgado, e pimenta branca moída na hora.
Cortei o pão em fatias, esfreguei um dente de alho em cada uma e depois pus um pouco da mistura, reguei com mais azeite, salpiquei queijo parmesão ralado  e levei ao forno para dar uma tostadinha. Ficou deliciosa!
Vale a pena experimentar.Use sua criatividade , faça sua versão e depois diga se não tenho razão.
Outros aperitivos no Simples Assim:
                                                                         (Lylia)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Lylia Diogenes

Jornalista, blogueira, mãe, esposa, filha, sogra, amiga, irmã. Leitora voraz, curiosa, destemida, alegre, sensível, apaixonada pela vida, por animais, por viagens, por comidas gostosas, por boas bebidas, frio, silêncio, natureza, paz. Assim sou eu, do jeitinho que me vejo. Múltipla na unidade e acreditando, sempre, que o melhor está por vir.

Queremos ouvir você!

Novidades!

Facebook

Publicidade

Instagram

Google Plus

Adicione esse tempero

“Cozinhar com sabor são delícias compartilhadas com amor !”

Aimara Shindler

Categorias