Simples Assim


Tarte Tatin – Uma sobremesa surpreendente

Tarte Tatin. Essa delícia foi a sobremesa de um memorável almoço. Puxe a cadeira que vou contar como tudo começou.
Essas minhas amigas harmoniosas estão sempre “aprontando”. Outro dia , na nossa troca de e-mails diários, alguém se animou a fazer uma lagosta. Como eu já nem lembrava de onde tinha surgido a ideia, fui pergunta-las para contar para você. E, a Zezé, prontamente respondeu:
Idéia da Jana, Lylia. Ela ficou animada com o camarão na moranga da Núbia, com a moqueca da Dani e depois sugeriu a lagostada. Tomara que ela não invente polvo, esse é meio complicado rsrsrs…”

E eu que perdi esses outros almoços memoráveis, não poderia ficar de fora de mais um.De repente já estava tudo organizado: o local, os aperitivos, as bebidas, a sobremesa...Tudo simples assim. Nosso grupo é muito animado e quando se fala em “comes e bebes” todas se mobilizam e o evento está criado.

 Graças a esse espírito festeiro vivemos momentos maravilhosos. Como a tarde deste sábado onde cozinhamos, conversamos, bebemos e comemos uma lagosta inesquecível. Mas os detalhes desse dia especial vou deixar para outro post, hoje vou falar do gran finale.
Uma deliciosa Tarte Tatin, feita à perfeição pela Núbia. Ela, juntamente com a Lídia, que levou o Tiramisu, foram responsáveis pelas sobremesas que estavam divinas.
Pena que não tiramos foto do Tiramisu para trazer para cá. Então, vou partilhar a Tarte Tatin.
Afinal hoje é sexta , amanhã é sábado, depois domingo e nesses dias um docinho é bom demais. Nós merecemos , não?
Na próxima semana conto mais detalhes de nossa “lagostada” e a receita da “Lagosta à Thermidor“. Por sinal, a melhor que já comi.
Que o seu fim de semana seja tão gostoso como essa sobremesa.

Tarte Tatin

Massa:

  • 1 1/2 xícara (chá) de farinha de trigo
  • 100 g de manteiga gelada em cubos
  • 1 colher (sopa) de açúcar
  • 1 pitada de sal
  • 1 a 3 colheres (sopa) de água gelada

Como fazer:

1. Corte a manteiga em cubinhos de cerca de 1 cm. Se não for usar imediatamente, volte à geladeira. É importante que eles estejam gelados para que o resultado seja uma massa crocante.2. Numa tigela, coloque a farinha, o açúcar, o sal e misture bem.3. Junte os cubos de manteiga e misture com as mãos, rapidamente, sem desmanchar completamente a manteiga.

4. Adicione uma colherada de água gelada por vez, conforme a necessidade, e misture apenas até conseguir formar uma bola. (Evite trabalhar demais a massa, pois ela acaba ficando menos crocante. O segredo é deixar pontinhos de manteiga aparentes, sem serem incorporados à farinha).

5. Faça uma bola e embrulhe a massa com filme. Leve à geladeira por 2 a 24 horas, o que for melhor para você.

Para o recheio:

Ingredientes

  • 6 maçãs-verdes
  • 1/2 limão
  • 120 g de manteiga
  • 1 1/4 xícara (chá) de açúcar
  • canela em pó a gosto
Como fazer:
1. Com uma faquinha afiada, descasque as maçãs e retire as sementes. Corte a maçã (na vertical) em partes e regue com o suco de ½ limão.

2. Numa panela, coloque o açúcar e a manteiga e leve ao fogo médio. Deixe a mistura escurecer um pouco. Em seguida, baixe o fogo e coloque as maçãs.

3. Deixe cozinhar por cerca de 10 minutos, ou até que as maçãs sejam facilmente perfuradas com a ponta de uma faca. Desligue o fogo.

4. Preaqueça o forno a 180 ºC (temperatura média).

5. Numa fôrma redonda antiaderente, distribua as maçãs sem deixar folgas, formando uma escama. Regue com o restante da calda que ficou na panela. Polvilhe um pouco de canela em pó.

6. Retire a massa da geladeira. Com um rolo de macarrão, abra a massa numa superfície enfarinhada, até ficar um pouco maior que a fôrma. Coloque a fôrma sobre a massa para medir e aproveite para cortar os excessos de massa com uma faquinha, deixando um margem de pelo menos 1 cm.

7. Com cuidado, dobre a massa na metade duas vezes (formando ¼ de disco). Coloque a massa sobre as maçãs, num canto da fôrma, e desdobre cobrindo toda a superfície.

8. Com a ajuda de um garfo, force as bordas da massa para baixo (lembre-se de que a torta será virada depois de assada).

9. Leve a torta ao forno preaquecido e deixe assar por 50 minutos ou até que a massa fique dourada.

10. Retire a torta do forno e deixe esfriar um pouco.

11. Para desenformar a torta, coloque um prato sobre a fôrma, segure bem e vire de uma vez. Se a torta não desenformar de imediato, dê alguns soquinhos na fôrma. Não deixe a torta esfriar muito, pois você corre o risco de ela ficar grudada na fôrma. Neste caso, e só em último caso, aqueça um pouquinho a torta em fogo baixo e repita a operação. Sirva a seguir.

  1. Ly, são estes momentos que fazem nossa alegria, não é verdade… bons encontros, pessoas maravilhosas!
    E maravilhosa está esta torta, apetitosa! Até dá para ver que a massa ficou bem crocante mesmo!
    Beijos mil e um fim de semana abençoado!
    Fabiola

  2. Como é maravilhoso estar entre amigas, tudo vira uma festa, e as recordacoes se eternizam… E está desfrutando da companhaia das amigas saboreoando uma tarte tatin tao especial quanto essa, nao há preco esse momento, nao eh mesmo!!!!! Adoreiiiii!!!!
    Beijinhos doces e um excelnte FDS para você e sua família

  3. Que delícia de encontro Lylia! Aqui bem que eu gostaria de fazer encontros e passar dias mais agradáveis fazendo delícias…. mas não conheço nenhuma blogueira que faça gosto em nos juntarmos. Hum a sobremesa arrasou, eu aguardo a lagostada. Um beijo minha querida e obrigada pelo carinho de sempre.

  4. Queridos Allan, Fabíola, Marisa, Janaína, Luísa, Sileni, RosÂngela, Sandra, Noélia, Anajá, Tatiana, Patrícia, Sandra, Isa, São, Zilsni, Maura, Nani, Aline, Nina, Vânia, Cláudia, Paula, Dinha, Léia e Leili,

    Obrigada pelos comentários carinhosos.
    OBrigada por ter feito uma receita Simples Assim, Nani, vou já visitar seu cantinho para dar uma olhada.
    Bj em cada um,
    Lylia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Lylia Diogenes

Jornalista, blogueira, mãe, esposa, filha, sogra, amiga, irmã. Leitora voraz, curiosa, destemida, alegre, sensível, apaixonada pela vida, por animais, por viagens, por comidas gostosas, por boas bebidas, frio, silêncio, natureza, paz. Assim sou eu, do jeitinho que me vejo. Múltipla na unidade e acreditando, sempre, que o melhor está por vir.

Novidades!

Adicione esse tempero

” Cozinhar é o tipo de coisa que exige um pouco de paixão e ilusão.”

Nina Horta

Facebook

Publicidade

Pinterest

Google Plus

Categorias