Simples Assim


Panqueca sem glúten – Quinta sem glúten

Essas panquecas de carne sem glúten ficam deliciosas e são fáceis de fazer.

Panqueca sem glúten. Você conhece? Eu não conhecia, mas precisei fazer outro dia e aprovei a substituição do trigo pelo amido de milho.

O almoço já estava pronto  e chegou uma amiga – alérgica ao glúten –  para almoçar de última hora, e calhou que o almoço naquele dia era panqueca.

O que fazer? Elas já estavam prontas e enroladas com a carne. Na mesma hora fui procurar uma receita de panqueca sem glúten e achei essa que me pareceu fácil e gostosa. Como tinha os ingredientes em casa resolvi testar.

E não é que ficou bem gostosa? Levinha e fácil de preparar. Mais uma opção para quem não pode consumir trigo.

Que tal experimentar?

Que nossa quinta tenha um sabor muito especial.

Panquecas sem glúten *

Essas panquecas sem glúten são fáceis de preparar e ficam deliciosas.

Ingredientes:

  • 1 ovo
  • 1/2 xícara (de chá) de leite
  • 1 colher (de chá) de fermento de bolo
  • 1 xícara (de chá) de amido de milho (maisena)
  • 1/2 colher (de chá) de sal 

Como fazer:

  • Coloque os ingredientes no liquidificador e bata bem para misturar.
  • Aqueça uma frigideira untada com óleo.
  • Despeje uma concha de massa na frigideira aquecida e vá virando até o líquido forrar todo o fundo da frigideira.
  • Coloque pouco líquido e vá espalhando, quanto mais fininha ela fica, mais gostosa.
  • Deixe secar a massa  e com a ajuda de uma espátula reta, vire e deixe dourar um pouco do outro lado também.
  • Vá colocando uma sobre a outra em um prato.
  • Logo que a panqueca sai do fogo ela fica meio quebradiça, deixe ela descansando um pouco e só depois recheie e dobre.

Essa eu recheei com carne moída , mas você pode colocar o recheio de sua preferência.

* Essa receita é do blog Aqui na Cozinha

Essas panquecas sem glúten são deliciosas e super fáceis de fazer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Lylia Diogenes

Jornalista, blogueira, mãe, esposa, filha, sogra, amiga, irmã. Leitora voraz, curiosa, destemida, alegre, sensível, apaixonada pela vida, por animais, por viagens, por comidas gostosas, por boas bebidas, frio, silêncio, natureza, paz. Assim sou eu, do jeitinho que me vejo. Múltipla na unidade e acreditando, sempre, que o melhor está por vir.

Novidades!

Adicione esse tempero

” Cozinhar é o tipo de coisa que exige um pouco de paixão e ilusão.”

Nina Horta

Facebook

Publicidade

Pinterest

Google Plus

Categorias