Simples Assim


Um arroz que vale uma refeição

Tem dias que não sei por onde começar.As tarefas são tantas e a manhã tão curta ! De tarde estou no trabalho e a dedicação é total. Como fazer? Tenho praticado o exercício de não me angustiar com o tempo, a não correr contra ele e a me deixar guiar por meu “feeling” e pelas prioridades de cada dia. Fazendo assim não tem erro. Além do mais, o que importa para mim, o  que vale a pena nessa vida é ser feliz. E ser feliz, com certeza, é simplificar , tornar as coisas mais simples. E isso vale para tudo na vida. Até nas comidinhas de todo dia. Como esse arroz.
Sozinho ele é uma refeição deliciosa para aqueles dias que você está sem tempo de colocar vários pratos à mesa.Costumo fazê-lo na véspera , pois no dia não preciso nem entrar na cozinha.É só esquentar e servir.Sem falar que ele é uma ótima opção para aquelas sobras de arroz que você não sabe o que fazer com elas. A ideia veio da cozinha da minha amiga Rosângela, que sempre tem delícias inspiradoras.
Que tal prepará-lo para o almoço da sexta e aproveitar para curtir mais esse dia que já nos anuncia o fim-de-semana que chega?Arroz de forno com frango ao pizzaiolo – receita daqui

Ingredientes:

  • 3 xícaras de arroz cozido
  • 500 grs de peito de frango
  • Suco de 1 limão
  • 1 colher (sopa) de mostarda
  • 3 tomates cortados em rodela
  • 400 ml de molho de tomate pelado ( usei 1 sachê de  molho Pizza da Fugini)
  • 3 colheres (sopa) de creme de leite
  • 3 colheres de requeijão ( por minha conta)
  • 200 grs de muçarela
  • 1 cebola média picadinha
  • 5 dentes de alhos picadinho
  • Erva de provence a gosto
  • Orégano a gosto
  • Azeite
  • Sal a gosto

Como fazer:

  • Tempere o frango com o suco do limão, a pimenta do reino, a erva de provence, a mostarda e o sal. Coloque o frango na geladeira por 30 minutos para pegar gosto.
  • Passado os 30 minutos, coloque uns fios de azeite em uma frigideira e grelhe o frango até que ele fique douradinho, retire-o do fogo e corte-o em pedaços pequenos, reserve.
  • Se você for fazer o molho de tomate, a Rosângela dá a receita dela:
  • Para o molho de tomate, adicione uns fios de azeite em uma panela e refogue a cebola junto com a alho. Quando a cebola estiver transparente, despeje o molho de tomate e mais meia xícara de água quente, tempere o molho com ervas a seu gosto (eu usei majericão seco e erva de provence seca) e deixe-o no fogo até apurar (cerca de 15 minutos).
  • Por último, corrija o sal.

Montagem

  • Coloque uns fios de azeite no fundo de um refratário de vidro.
  • Em seguida coloque  nessa ordem: o arroz (comprima-o com as costas de uma colher), o molho de tomate, o frango cortadinho, uma camada bem generosa de queijo muçarela, o creme de leite misturado com requeijão – alteração minha – as rodelas de tomate, o orégano a gosto e algumas folhinhas de manjericão (opcional).
  • Leve o refratário ao forno pré aquecido por cerca de 20 minutos, ou até que o queijo derreta e que a superfície esteja douradinha. Sirva em seguida

Outros  pratos Simples Assim que fazem uma refeição:

  1. O tempo é um problema feral Lylia, pois nunca chega, mas como digo sempre, se mais tempo tivéssemos, mais precisaríamos, portanto, estamos bem assim.
    Adoro este tipo de refeições em que a refeição está toda num tabuleiro e este arroz tem tudo para eu adorar!!
    Um beijinho,
    Lia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Lylia Diogenes

Jornalista, blogueira, mãe, esposa, filha, sogra, amiga, irmã. Leitora voraz, curiosa, destemida, alegre, sensível, apaixonada pela vida, por animais, por viagens, por comidas gostosas, por boas bebidas, frio, silêncio, natureza, paz. Assim sou eu, do jeitinho que me vejo. Múltipla na unidade e acreditando, sempre, que o melhor está por vir.

Queremos ouvir você!

Novidades!

Facebook

Publicidade

Instagram

Google Plus

Adicione esse tempero

“Cozinhar com sabor são delícias compartilhadas com amor !”

Aimara Shindler

Categorias